Prefeitura notifica cinco empresas no lockdown em Teresina

Ananias Ribeiro Ananias Ribeiro

A Vigilância Sanitária Municipal monitorou durante o último final de semana mais de dois mil estabelecimentos em Teresina. Nos dois dias, o órgão notificou cinco estabelecimentos e lavrou cinco autos de infração em locais que não obedeceram às regras determinadas em decreto de combate à Covid-19.

A equipe fiscalizou tanto os locais que ofertam serviços considerados essenciais quanto o não-funcionamento daqueles que estavam proibidos de funcionar nos fins de semana, nos turnos manhã e noite.

“Observamos que a maioria dos estabelecimentos estavam cumprindo o decreto, mas alguns estavam insistindo em desobedecer”, relatou Larisse Portela, gerente de Vigilância Sanitária da Fundação Municipal de Saúde (FMS).

Dentre os locais que foram flagrados descumprindo o decreto, estavam estabelecimentos dos ramos lojas de materiais de construção, salões de beleza e barbearia, bem como comércio de variedades e lojas de vestuário.

“À noite, identificamos apenas alguns trailers com atendimento presencial de clientes. Notificamos e esclarecemos sobre a necessidade de se utilizar apenas a modalidade delivery e drive thru no final de semana”, falou Larisse.

Larisse Portela reforça aos teresinenses que o momento não é para relaxamento, e pede a colaboração de todos. “Agradecemos a contribuição de todos aqueles que estão colaborando com as normas sanitárias, e aproveitamos para alertar que burlar a lei é burlar a si mesmo, é ir ao encontro do vírus, e sem a parceria de toda a população em geral não será possível vencer a pandemia”, afirmou a gerente da Vigilância Sanitária.

Compartilhar
Siga:
Jornalista e acadêmico de Direito. Editor do portal PI24h. Foi repórter do Portal AZ, 180 Graus e editor do Portal Meio Norte. Editor de política do Jornal Meio Norte. Apresentador e comentarista de política na Rede Meio Norte.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias