Polícia prende cinco e procura policial por assalto à Equatorial

Ananias Ribeiro Ananias Ribeiro

O cabo Edivaldo Gomes da Silva, o G. Silva, da Polícia Militar do Piauí, está sendo procurado por suposta participação no assalto ao centro de distribuição da Equatorial Energia em abril de 2020.

Nesta sexta-feira, dia 05, a Polícia Civil prendeu cinco acusados pelo crime em Teresina e Altos. A Secretaria Estadual de Segurança Pública divulgou uma foto de G. Silva em busca de informações que possam levar à prisão do PM.

G. Silva é considerado foragido da Justiça. O Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) chegou a pender G. Silva. No entanto, o acusado foi posto em liberdade. “Agora o juiz decretou a prisão. […] Apesar das diligências, em vários endereços que ele havia fornecido, em nenhum deles ele residia. Está foragido”, informou o delegado Willame Moraes, coordenador da Divisão de Capturas (Dicap), da Polícia Civil.

Outro policial militar que chegou a ser preso logo após o crime foi morto após ser posto em liberdade pela Justiça.

O crime.. No dia 07 de abril de 2020, homens armados renderam vigilantes e invadiram o centro de distribuição da Equatorial Energia na BR-343.

Os criminosos levaram três armas de fogo, colete à prova de balas, mas nenhum objeto de propriedade da empresa foi roubado na ação criminosa em Teresina.

Compartilhar
Siga:
Jornalista e acadêmico de Direito. Editor do portal PI24h. Foi repórter do Portal AZ, 180 Graus e editor do Portal Meio Norte. Editor de política do Jornal Meio Norte. Apresentador e comentarista de política na Rede Meio Norte.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias