Promotor Eliardo Cabral morre vítima da Covid-19 em Teresina

Ananias Ribeiro Ananias Ribeiro

O promotor Eliardo Cabral, 67, morreu no início da tarde desta segunda-feira, dia 01, na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Satélite, na zona leste de Teresina, vítima de complicações da Covid-19.

Eliardo resistiu à internação e deu entrada na unidade de saúde após passar mal e ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Ele tinha hipertensão, diabetes e obesidade, comorbidades que agravam o quadro de Covid-19 .

Eliardo tinha se aposentado das funções no Ministério Público em dezembro de 2014. Ele ganhou notoriedade ao conduzir a investigação contra o crime organizado e a morte da estudante Fernanda Lages. Em nota, a instituição manifestou pesar: “A Instituição transmite condolências aos familiares e amigos enlutados, rogando para que a fé, o amor e a união confortem seus corações”.

José Eliardo Sousa Cabral ingressou na carreira ministerial em novembro de 1988. Após 26 anos de serviços prestados à sociedade piauiense, aposentou-se em 2014, como o então titular da 15ª Promotoria de Justiça de Teresina, do Núcleo do Tribunal do Juri. Ele estava atuando como pastor em uma igreja evangélica em Teresina.

Compartilhar
Siga:
Jornalista e acadêmico de Direito. Editor do portal PI24h. Foi repórter do Portal AZ, 180 Graus e editor do Portal Meio Norte. Editor de política do Jornal Meio Norte. Apresentador e comentarista de política na Rede Meio Norte.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias