Candidato a presidente é assassinado a tiros no Equador

Fernando Villavicencio foi morto com três tiros na cabeça ao deixar encontro político em Quito
Redação PI24h Redação PI24h

O candidato a presidente do Equador Fernando Villavicencio foi assassinado com três tiros na cabeça ao sair de um encontro político nesta quarta-feira, dia 09, na capital Quito.


A morte foi confirmada pelo presidente equatoriano Guilherme Lasso. “Indignado e consternado pelo assassinato do candidato presidencial Fernando Villavicencio. Minha solidariedade e minhas condolências a sua esposa e suas filhas. Pela sua memória e por sua luta, asseguro que esse crime não ficará impune”, postou no Twitter.

“O crime organizado chegou muito longe, mas sobre eles vai cair todo o peso da lei”, completou Lasso. Pelo menos oito pessoas ficaram feridas no atentado, algumas foram levadas para clínicas na região. As ruas do entorno foram cercadas pela polícia do Equador.

Villavicencio era candidato pelo Movimento Construye.

Compartilhar
Compartilhar:
Criado em 2019, o pi24h é um portal de notícias com sede em Teresina que tem o compromisso de atualização 24h por dia com qualidade e relevância social com notícias do Piauí, Teresina, Brasil e Mundo.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias