Ex-marido que esfaqueou esteticista é indiciado em Teresina

Anderson Figueiredo foi indicado por tentativa de homicídio qualificado por feminicídio em Teresina
Redação PI24h Redação PI24h

A delegada Nathalia Figueiredo, do Núcleo de Feminicídio do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (Dhpp), da Polícia Civil, indicou Anderson Figueiredo por tentativa de homicídio qualificado por feminicídio e meio ardil contra a esteticista Nathália Cantuário, que foi esfaqueada no dia 27 de julho deste ano em Teresina.


O casal estava separado desde o dia 16 de julho quando, no aniversário da filha, Nathália foi agredida por Anderson. Ela registrou boletim de ocorrência na Delegacia de Atendimento à Mulher Sudeste e requereu a concessão de medidas protetivas pela Justiça.

Segundo a investigação, no dia do crime o acusado abordou um transeunte e pediu que ele batesse na porta da casa da vítima alegando que faria uma entrega de material na área de beleza para Nathália. “O Anderson sabia que como ela é profissional de beleza, recebia muitas entregas pela internet, então ali utilizou desse ardil para enganar a vítima, pois sabia que se ela escutasse a voz dele, ela não abriria o portão. Ele usou esse rapaz como um meio”, disse a delegada Nathália Figueiredo.

O acusado atacou a vítima imediatamente após a porta ser aberta. “Ele entra, vai direto no pescoço da vítima. Ou seja, ele esgana a vítima, realiza socos no corpo dela, ambos entram em luta corporal, momento em que ele puxa a faca e realiza as perfurações na região da perna”, relataram testemunhas à delegada Nathália Figueiredo. A vítima foi atingida por 19 facadas dentro de casa no bairro São Sebastião, na zona sudeste de Teresina.

Nathalia Cantuário
Esteticista Nathalia Cantuário. Foto: Divulgação

“Intenção de Matar”

A delegada Nathalia Figueiredo, do Núcleo de Feminicídio do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (Dhpp), afirmou que o indivíduo identificado como Anderson Figueiredo, preso após se passar por entregador e esfaquear a ex-mulher, tinha a intenção de matar a esteticista Nathalia Cantuário.

“Houve sim o dolo do agente em relação a matar a vítima, de fato ele tinha a intenção tanto que dias anteriores ele tinha praticado [violência]. Era um contexto de violência doméstica recorrente. A vítima era constantemente ameaçada, sofria lesão corporal e também violência psicológica”, disse a delegada Nathália Figueiredo.

Prisão

Anderson Figueiredo foi preso no dia 31 de julho em Teresina. Em depoimento, o acusado negou que tenha tentado cometer feminicídio contra a Nathalia Cantuário. O caso agora segue para o Ministério Público que vai decidir se apresenta denúncia à Justiça.

Compartilhar
Compartilhar:
Criado em 2019, o pi24h é um portal de notícias com sede em Teresina que tem o compromisso de atualização 24h por dia com qualidade e relevância social com notícias do Piauí, Teresina, Brasil e Mundo.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias