Importunação

Joias: 5 perguntas que Bolsonaro deve responder ao TCU

As perguntas foram feitas pelo ministro Augusto Nardes e devem ser respondidas por Bolsonaro
Redação PI24h Redação PI24h

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) deve ser ouvido pelo Tribunal de Contas da União (TCU) sobre as joias no valor de R$ 16,5 milhões que foram apreendidas pela Receita Federal.

Augusto Nardes estabeleceu, em documento, cinco perguntas que deverão ser respondidas, de forma escrita, por Bolsonaro. São elas:

Quais foram os presentes recebidos por ocasião da visita à Arábia Saudita?

Quais os presentes recebidos que estão em sua posse neste momento, além daqueles apreendidos, e qual o destino a ser dado para cada um eles?

Os presentes trazidos seriam personalíssimos da ex-primeira-dama e do ex-presidente da República ou seriam incorporados ao acervo do Governo Brasileiro?

Se os presentes foram recebidos em caráter pessoal, quais as providências para o pagamento dos devidos tributos?

Houve orientação para o envio de servidor em avião da Força Aérea Brasileira para tentar buscar nova leva de presentes encaminhados pelo Governo Saudita?

O ministro Augusto Nardes também deverão oucir a ex-primeira fama Michelle Bolsonaro e o ex-ministro Bento Albuquerque.

As joias seriam um presente do governo da Arábia Saudita para a então primeira dama Michelle Bolsonaro. O pacote foi apreendido no aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, na mochila de um assessor do ministro Bento Albuquerque.

O governo Bolsonaro tentou reaver as joias acionando três ministérios: Economia, Minas e Energia e Relações Exteriores. E ainda um funcionário público ligado ao gabinete de Bolsonaro.

Compartilhar
Siga:
Criado em 2019, o pi24h é um portal de notícias com sede em Teresina que tem o compromisso de atualização 24h por dia com qualidade e relevância social com notícias do Piauí, Teresina, Brasil e Mundo.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias