Promotor Ubiraci Rocha pede afastamento do caso Marcus Nogueira

Ananias Ribeiro Ananias Ribeiro

O promotor Ubiraci Rocha, do Ministério Público do Piauí (MP-PI), pediu afastamento do caso Marcus Nogueira. O advogado é acusado de provocar o acidente de trânsito que matou Raimundo Nonato da Silva Oliveira e deixou três feridas – incluindo uma bebê de nove meses internada em estado gravíssimo – na última quinta-feira, dia 02.

Ubiraci Rocha alegou motivo de foro íntimo e ética profissional. Ele foi professor de Marcus Nogueira no curso de Direito. O promotor alegou que por conta da relação acadêmica criou convivência próxima com o acusado, o suficiente para que sua atuação à frente do inquérito fosse afetada.

“Em respeito à minha ética profissional aos anos de atuação no Ministério Público me sinto desconfortável em acompanhar essa investigação policial, bem como oferecer eventual denúncia e se for o caso, sustentar a acusação em plenário de Júri”, alegou Ubiraci Rocha.

Ao protocolar o pedido de afastamento do caso, Ubiraci Rocha indicou que o inquérito fosse assumido pelo promotor Benigno Filho.

  • Vídeo: Câmera flagra acidente com advogado Marcus Nogueira
Share This Article
Compartilhar:
Jornalista e acadêmico de Direito. Editor do portal PI24h. Foi repórter do Portal AZ, 180 Graus e editor do Portal Meio Norte. Editor de política do Jornal Meio Norte. Apresentador e comentarista de política na Rede Meio Norte.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias