PF prende foragidos da penitenciária de Mossoró

Os dois foram presos 50 dias após fuga da penitenciária de Mossoró
Redação PI24h Redação PI24h
  • Os dois foram capturados 50 dias após fuga em Marabá, no Pará
  • Eles estavam a cerca de 1,6 mil km do presídio em Mossoró
  • A ação da prisão foi deflagrada em conjunto pela PF e PRF

A Polícia Federal prendeu nesta quinta-feira, dia 04, os dois foragidos da Penitenciária Federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte. A fuga aconteceu no dia 14 de fevereiro de 2024.

Rogério da Silva Mendonça, 35; e Deibson Cabral Nascimento, 33; foram capturados após 50 dias. Eles foram encontrados em Marabá, no Pará, a cerca de 1,6 mil km de distância do presídio em Mossoró.

“Na tarde desta quinta-feira, em uma ação conjunta das polícias Federal e Rodoviária Federal, foram presos, em Marabá (PA), os foragidos do Sistema Penitenciário Federal”, informou, m nota, o Ministério da Justiça.

Os dois escaparam da penitenciária na Quarta-feira de Cinzas. A fuga foi a primeira registrada no sistema penitenciário federal desde que este foi criado, em 2006, com o objetivo de isolar lideranças de organizações criminosas e presos de alta periculosidade.

A unidade potiguar estava passando por uma reforma interna. Investigações preliminares indicam que Mendonça e Nascimento usaram ferramentas que encontraram largadas dentro do presídio para abrir o buraco por onde fugiram de suas celas individuais.

Quatro dias após a fuga inédita, o próprio presidente Luiz Inácio Lula da Silva cogitou que os dois detentos teriam recebido algum tipo de ajuda para deixar a unidade, considerada de segurança máxima.

Compartilhar
Siga:
Criado em 2019, o pi24h é um portal de notícias com sede em Teresina que tem o compromisso de atualização 24h por dia com qualidade e relevância social com notícias do Piauí, Teresina, Brasil e Mundo.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias