Pro Piauí Municípios vai levar obras às 224 cidades do Piauí

Ananias Ribeiro Ananias Ribeiro Notícias
Pro Piauí Municípios
Rafael Fonteles fala no lançamento da segunda etapa do Pro Piauí Municípios. Foto: Divulgação

O governador Wellington Dias e o coordenador do Pro Piauí e secretário de Estado da Fazenda, Rafael Fonteles, lançaram, nesta terça-feira, dia 08, em solenidade no Palácio de Karnak, a 2ª etapa do Pro Piauí Municípios. O programa levará obras a todas as cidades do Piauí para melhoria da infraestrutura, qualidade urbana dos municípios e qualidade de vida do povo piauiense.

- Publicidade -

O Pro Piauí Municípios consiste em um conjunto de obras, ações e equipamentos importantes nas mais diversas áreas em todas as regiões do Piauí. As obras e ações serão executadas em parceria com os municípios, com diferentes fontes de recursos, como o Tesouro Estadual e emendas parlamentares.

Nesta etapa, serão investidos mais de R$ 500 milhões, contemplando os 224 municípios. Sessenta e quatro cidades já receberam asfaltamento urbano e serão contempladas mais 65. Com calçamento, 157 cidades já foram beneficiadas e as ruas de mais 118 serão calçadas. Com água e saneamento, 37 municípios já foram contemplados e mais 57 entrarão na lista. E com obras em estádios, campos de futebol e quadras poliesportivas, 15 cidades já receberam e mais 29 serão contempladas.

“Cada pessoa precisa de qualidade de vida onde ela vive e o programa integra ações para levar desenvolvimento aos municípios do Piauí, com mobilidade urbana, pavimentação asfáltica e poliédrica, abastecimento e saneamento básico, construção e melhoria da estrutura de praças, estádios, campos de futebol e mercados públicos. Vamos fazer o dinheiro circular na economia e dar novas oportunidades para os piauienses”, disse o governador.

Segundo Rafael Fontelles, o programa é a continuidade de um conjunto de obras e ações nos 224 municípios do Piauí. “Essas obras levarão desenvolvimento econômico, geração de emprego e renda, mas principalmente qualidade de vida para a população do campo e da cidade. São pequenas e médias intervenções que farão a diferença em cada município. Teremos ainda outros capítulos, que envolverão grandes obras de saneamento, a parte de aeroportos e aeródromos e desenvolvimento social na educação, saúde e segurança”, afirmou o gestor.

- Publicidade -

“Estamos com uma grande expectativa. Cada município foi ouvido para que as principais necessidades fossem traçadas e esperamos que a execução dessas obras estruturantes leve qualidade de vida à população, com boas estradas, recuperação de espaços públicos e saneamento básico”, disse o presidente da Associação Piauiense de Municípios e prefeito de Francinópolis, Paulo César Morais.

Compartilhe
Siga:
Jornalista e acadêmico de Direito. Editor dos portais Senadinho e Piauí 24h. Foi repórter do Portal AZ, 180 Graus e editor do Portal Meio Norte. Editor de política do Jornal Meio Norte. Comentarista na Rede Meio Norte.