PM resgata macaco que vivia acorrentado em casa

Além do primata, duas aves silvestres também foram apreendidas.
Redação PI24h Redação PI24h
  • A situação ocorreu em uma residência no bairro Vacaria
  • O macaco foi levado ao Centro de Triagem de Animais Silvestres
  • O BPA lavrou um TCO contra o homem que estava em posse do animal

A Polícia Militar, através do Batalhão de Policiamento Ambiental (BPA), realizou na sexta-feira, dia 23, o resgate de um macaco-prego em situação de cativeiro na cidade de Miguel Alves. Além do primata, duas aves silvestres também foram apreendidas.

A situação ocorreu em uma residência no bairro Vacaria, onde, segundo a denúncia, um idoso estava criando o macaco acorrentado dentro de casa. Com a informação, a equipe se deslocou ao endereço apontada e constatou o fato.

“Há um mês ele tinha o macaco-prego de uma senhora que criava o macaco. E aqui encontramos um macaco e dois pássaros silvestres. Um galo de campina e um bigode. O macaco foi apreendido, levado lá para os CETAS do zoobotânico para passar por exames e os pássaros também”, explicou o Sargento Israel Rodrigues, que realizou o resgate do animal.

No Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) do Bioparque Zoobotânico, o animal receberá cuidados veterinários e exames, para ser estudada a possibilidade de reintrodução à natureza.

O BPA lavrou um TCO contra o homem que estava em posse do animal por crime ambiental. Na residência, a equipe explicou para o idoso que, apesar de não haver uma situação de mau tratos, é proibido criar animais silvestres em ambiente doméstico sem a autorização necessária.

Compartilhar
Siga:
Criado em 2019, o pi24h é um portal de notícias com sede em Teresina que tem o compromisso de atualização 24h por dia com qualidade e relevância social com notícias do Piauí, Teresina, Brasil e Mundo.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias