Importunação

Dias aciona Fiocruz após Índia vetar envio de vacina da Covid-19

Ananias Ribeiro Ananias Ribeiro

O governador Wellington Dias repercutiu nesta sexta-feira, dia 05, a decisão do governo da Índia de proibir a exportação de qualquer vacina contra a Covid-19. Com isso, o laboratório Serum, que tem parceria com a Fiocruz e a AstraZeneca não cumprirá o cronograma de envio de vacinas prontas para março.

“Pensando em uma solução para que o cronograma o Brasil não seja afetado, conversei com a Drª Nísia Trindade, presidente da Fiocruz, para que, a exemplo do que aconteceu no Butantan, a linha de produção do Instituto seja ampliada”, disse Wellington.

A ideia é que a Fiocruz entregue, ainda este mês, as vacinas produzidas a partir do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) recebidos nesta semana no Rio de Janeiro.

“O Brasil não pode fugir da realidade. Nesse instante o que precisamos é de mais vacinas. E quem pode nos atender é o Butantan e a Fiocruz, por isso todo o nosso apoio e o pedido para que o Ministério da Saúde ofereça a assistência necessária”, completou Wellington.

Compartilhar
Siga:
Jornalista e acadêmico de Direito. Editor do portal PI24h. Foi repórter do Portal AZ, 180 Graus e editor do Portal Meio Norte. Editor de política do Jornal Meio Norte. Apresentador e comentarista de política na Rede Meio Norte.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias