Justiça decreta prisão preventiva dos alvos da Operação Prodígio

Ao todo, 30 suspeitos de participar do esquema que resultou em golpes bancários no País
Redação PI24h Redação PI24h

A justiça decretou a prisão preventiva – sem prazo determinado – dos líderes do golpe do empréstimo desvendado na Operação Prodígio, deflagrada pela Polícia Civil.


Anderson Ranchel Dias de Sousa, Handson Ferreira Barbosa, Ilgner Oliveira Bueno Lima e Sávio Máximo de Sousa Andrade continuarão presos durante o avanço da investigação da Polícia Civil.

Ao todo, 30 suspeitos de participar do esquema que resultou em golpes bancários de R$ 19,6 milhões foram presos durante a Operação Prodígio.

Os presos no esquema confessaram ganhar porcentagens de 10% a 20% dos golpes aplicados no Piauí. No entanto, as investigações apontam que a quadrilha ficava com até 40% dos empréstimos falsos – o restante com os correntistas do Santander.

O Fantástico, da Globo, exibiu neste domingo, dia 10, matéria sobre a Operação Prodígio, deflagrada na semana passada pela Polícia Civil do Piauí. O golpe do empréstimo foi detalhado pelo delegado Anchieta Nery.

  • Vídeo: Fantástico mostra operação contra golpe do empréstimo no Piauí
Compartilhar
Compartilhar:
Criado em 2019, o pi24h é um portal de notícias com sede em Teresina que tem o compromisso de atualização 24h por dia com qualidade e relevância social com notícias do Piauí, Teresina, Brasil e Mundo.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias