Golpe do Falso Parente: Presos oito suspeitos de estelionato no Piauí

Os criminosos praticaram o golpe do "Falso Parente" no Piauí
Redação PI24h Redação PI24h

A Polícia Civil do Piauí deu cumprimento na manhã de quarta-feira, dia 26, a mandados de buscas e apreensões e prisões temporárias, realizadas em Timon, Goiânia/GO, Senador Canedo/GO e Aparecida de Goiânia/GO, expedidas pelo Juiz da Central de Inquéritos de Teresina, Valdemir Ferreira Santos, no âmbito da Operação Proteu, que investiga os crimes de estelionato e associação criminosa no Piauí.


Foram realizadas oito prisões até o momento. Segundo as investigações, os criminosos praticaram o golpe do “Falso Parente”, onde o criminoso se passa por parente da vítima, utilizando foto no perfil do WhatsApp.

O suposto parente entra em contato com pais ou outros familiares informando que está com número de telefone novo, em seguida, pede dinheiro emprestado para conta de terceiros (laranjas). De acordo com o delegado Humberto Mácola, a operação prossegue e novas prisões podem ser realizadas. “As investigações continuam para que todos os envolvidos na prática criminosa sejam responsabilizados”, destacou o delegado Humberto Mácola.

A Polícia Civil orienta a população a sempre ficar atenta a solicitações de dinheiro por parte de amigos e familiares por meio de aplicativos de conversas, devendo sempre confirmar o contato através de chamadas de vídeo ou de forma presencial.

Compartilhar
Compartilhar:
Criado em 2019, o pi24h é um portal de notícias com sede em Teresina que tem o compromisso de atualização 24h por dia com qualidade e relevância social com notícias do Piauí, Teresina, Brasil e Mundo.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias