Dupla é presa com drogas, dinheiro, celulares e farda da PM

A dupla foi detida durante a Operação Hurricane realizada na tarde dessa quinta-feira (03).
Juliana Barros Juliana Barros

O Departamento de Narcóticos (Denarc) da Polícia Civil do Piauí deflagrou a Operação Hurricane na Vila Washington Feitosa, no bairro São Sebastião, zona Sudeste de Teresina, que resultou na prisão em flagrante de dois homens suspeitos de tráfico de drogas. A ação foi realizada na tarde dessa quinta-feira, dia 03.


Durante o cumprimento de oito mandados de busca e apreensão, os policiais encontraram uma grande quantidade de drogas e uma farda de um batalhão especializado da Polícia Militar. Além dos dois presos, outras duas pessoas foram conduzidas até a Central de Flagrantes e autuadas por desobediência.

Os presos foram identificados apenas pelas inicias F.T. P.D.N, 24; e o outro F.C.G, 53. No imóvel, foram encontrados vários invólucros de substâncias entorpecentes análogos à maconha e a crack prontos para serem comercializados, dinheiro, uma máquina de cartão de crédito, e ainda uma camisa de um Batalhão Especializado da Polícia Militar.

  • Vídeo: Material apreendido durante operação em Teresina


Na residência de F.C.G., foram apreendidos mais de R$ 3 mil, além de vários invólucros de substância entorpecente semelhante a crack que seriam viriam a ser comercializados. Segundo investigações preliminares, esse preso já possuiu procedimento criminal também por tráfico de drogas no ano de 2018, porém, no momento de sua prisão, ele apresentou carteira de identidade com nome diverso ao anterior, o que resultará em envio de seu documento para o Instituto de Criminalística para análise pericial e papiloscopia. Após isso, ele poderá ser indiciado ao final do inquérito policial por uso de documento falso ou falsidade ideológica.

De acordo com o delegado Jarbas Lima, delegado do Denarc responsável pela operação, os dois presos fazem parte de uma facção criminosa que atua naquela região. O detalhe que chamou a atenção da equipe policial foi a proximidade de um dos pontos de venda de drogas com uma escola municipal, que ficava a cerca de 100 metros do local.

“É preocupante o fato de haver uma pichação no muro da escola associando-a a essa facção criminosa. Estamos retirando de circulação dois indivíduos danosos à sociedade, evitando que ofereçam essas substâncias a crianças e adolescentes e impedindo o tráfico próximo a um ambiente educacional”, ressaltou o delegado.

A PC-PI reitera a importância da colaboração da população por meio de denúncias anônimas, contribuindo para o combate à criminalidade. Para esse fim, a instituição disponibiliza um canal no seu site oficial, e o DENARC pode ser contatado por meio do número (86) 3216-5281, incluindo mensagens via WhatsApp. O sigilo das informações é garantido.

Compartilhar

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias