Professores da rede municipal deflagram greve em Teresina

Professores vão parar aulas na próxima segunda-feira, dia 04, em Teresina
Redação PI24h Redação PI24h
  • Professores deflagrar greve geral na rede da Prefeitura de Teresina
  • Eles cobram reajuste de 20,8% e pagamento de R$ 73 milhões
  • O 1º ato da greve será uma assembleia em frente a Semec

Os professores da rede municipal de ensino de Teresina decidiram em assembleia geral realizada nesta quinta-feira, dia 29, deflagrar greve geral da categoria a partir da próxima segunda-feira, dia 04.

Os profissionais alegam descumprimento do Estatuto do Magistério e de acórdão do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) que prevê o pagamento de R$ 73 milhões referentes a repasses não realizados em 2022.

“Devido a intransigência do prefeito José Pessoa e do secretário Reinaldo Ximenes, que não responderam a nossa correspondência, já é a segunda assembleia, nós aprovamos que a greve da educação municipal começa na próxima segunda-feira”, disse Sinésio Soares, presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Teresina (Sindserm).

Os profissionais exigem o cumprimento da legislação federal e municipal, reajuste de 20,8%, bem como, melhorias na manutenção e estrutura das escolas e CMEIs. A primeira atividade da greve da educação municipal será uma assembleia marcada para segunda-feira, dia 04, em frente ao prédio da Semec.

“A categoria vai para as ruas, vai lutar, porque não podemos ter um achatamento salarial”, completou Hemana Nunes, diretora colegiada do Sindserm.

Compartilhar
Siga:
Criado em 2019, o pi24h é um portal de notícias com sede em Teresina que tem o compromisso de atualização 24h por dia com qualidade e relevância social com notícias do Piauí, Teresina, Brasil e Mundo.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias