Homem deixa prisão e é baleado pelo pai da mulher que matou em SC

Pai e irmão de vítima tentar matar condenado por feminicídio em SC
Redação PI24h Redação PI24h

Um homem de 33 anos que não teve a identidade revelada foi baleado na noite desta segunda-feira, dia 13, pelo pai e irmão da mulher que ele matou em 2018. O homem estava preso desde 2019.

Ele estava em saída temporária da penitenciária de Chapecó, em Santa Catarina, após ser condenado pelo feminicídio de Indianara Aparecida de Moura. O padrasto dele, de 53 anos, foi morto durante o ataque a tiros, segundo a Polícia Civil.

O pai, o irmão de Indinara, além de uma terceira pessoa sem parentesco, foram presos em flagrante. O delegado Cleverson Luis Müller acredita que os crimes foram motivados por vingança. O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil.

O homem foi encaminhado ao hospital e teve alta nesta terça-feira, dia 14. A ocorrência foi registrada no bairro Cohab. Pelo menos seis disparos de arma de fogo foram efetuados na casa, segundo o delegado Cleverson Luis Müller.

Compartilhar
Siga:
Criado em 2019, o pi24h é um portal de notícias com sede em Teresina que tem o compromisso de atualização 24h por dia com qualidade e relevância social com notícias do Piauí, Teresina, Brasil e Mundo.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias