Em uma semana, influencer preso por estupro fez 11 vítimas no CE

Thiago Ferrari é suspeito de uma série de estupros e outros crimes no Ceará
Redação PI24h Redação PI24h
  • Entre os dias 18 e 24, o influencer teria feito 11 vítimas no Ceará
  • Ele é suspeito de estupro, tentativa de estupro e roubo em Fortaleza e Caucaia
  • 17 mulheres procuraram a polícia alegando terem sido vítimas de Thiago

O influencer Thiago Ferrari, 35, preso suspeito de uma série de estupros e outros crimes, teria feito 11 mulheres vítimas em menos de uma semana, segundo a Polícia Civil do Ceará. Ele foi preso no dia 24 de fevereiro de 2024.

Entre os dias 18 e 24, o influencer teria cometido crimes de estupro, tentativa de estupro e roubo contra mulheres de Fortaleza e Caucaia. O suspeito é de Minas Gerais. Desde a prisão do suspeito, 17 mulheres procuraram a polícia alegando terem sido vítimas de Thiago Ferrari. A prisão foi efetuada na casa onde ele morava em Fortaleza.

As vítimas tem entre 15 anos e 40. Entre elas, duas são mãe e filha. Os estupros ocorreram desde 18 de fevereiro. Ele possui antecedentes criminais por estupro de vulnerável, estupro, crime contra a dignidade sexual, violação de domicílio e furto em outros estados do País.

Mãe e Filha

A Polícia Civil do Ceará informou que o influencer é suspeito de estuprar mãe e filha – de 15 anos a 40. Os crimes sexuais ocorreram nos bairros Barra do Ceará, Montese e Itaoca, em Fortaleza; e nas cidades de Caucaia e Tauá.

“Ele abordava as vítimas de forma aleatória, no portão da casa delas e ameaçava dizendo que estava armado e era membro de uma facção criminosa. Depois da violência sexual, ele chegava a tirar foto e roubava o celular da mulher”, disse o delegado Valdir Cavalcante de Paula Passos, do 5º Distrito Policial.

Banheiro

O influencer chegou a ser detido em novembro de 2020. Na época, ele teria gravado mulheres no banheiro feminino de um centro comercial em Fortaleza. Uma câmera de segurança registrou o momento em que o influencer entra no banheiro feminino e em seguida sai correndo, enquanto duas mulheres tentavam segurá-lo – o caso ganhou repercussão nas redes sociais no Ceará.

Compartilhar
Siga:
Criado em 2019, o pi24h é um portal de notícias com sede em Teresina que tem o compromisso de atualização 24h por dia com qualidade e relevância social com notícias do Piauí, Teresina, Brasil e Mundo.

Últimas Notícias

Mais Lidas

Mais Notícias